UMA NOTA SOBRE OS LIMITES TERRITORIAIS DA MATA ATLÂNTICA

View Researcher's Other Codes

Disclaimer: The provided code links for this paper are external links. Science Nest has no responsibility for the accuracy, legality or content of these links. Also, by downloading this code(s), you agree to comply with the terms of use as set out by the author(s) of the code(s).

Please contact us in case of a broken link from here

Authors Renata Lara Muylaert, Maurício Humberto Vancine, Rodrigo Bernardo, Júlia Emi Faria Oshima, Thadeu Sobral-Souza, Vinicius Rodrigues Tonetti1, Bernardo Brandão Niebuhr & Milton Cezar Ribeiro
Journal/Conference Name Oecologia
Paper Category , ,
Paper Abstract A delimitação geográfica de um bioma engloba questões que envolvem fatores ambientais, como clima e características da vegetação, além de aspectos políticos. Consequentemente, variações na delimitação de um bioma são recorrentes. A Mata Atlântica é um dos mais importantes hotspots de biodiversidade do mundo e historicamente diversas delimitações territoriais foram propostas para esse bioma. Aqui tivemos como objetivo 1) discutir as quatro principais delimitações e 2) com base nos limites existentes, discutir sua união (Limite Integrativo) e intersecção (Limite Consensual). Os principais limites apresentam áreas consensuais e integrativas de 1,01 e 1,62 milhão km2, respectivamente. Cinco regiões de divergência devem ser cuidadosamente avaliadas. Finalmente, sugerimos um debate sobre o uso de limites em estudos ecológicos e sua aplicação em estudos sobre conservação da biodiversidade.
Date of publication 2018
Code Programming Language R
Comment

Copyright Researcher 2022